Plataforma Faz Sentido

A FAZ SENTIDO é uma plataforma virtual orientada a um objetivo claro: “construir um modelo de Ensino Fundamental II e Médio mais conectado com as características, o contexto, as necessidades e os interesses dos adolescentes e jovens brasileiros do século XXI”.

Essa plataforma deve ser entendida dentro do contexto de um projeto de pesquisa mais amplo denominado Estudo Fundamental 2.0, impulsionado pelo Instituto Inspirare em colaboração com o Instituto Unibanco e a Agência Tellus. Desde o ano 2014, essas instituições e os seus sócios, estiveram realizando um exaustivo trabalho de campo cujas características fundamentais se baseiam na escuta ativa dos diferentes atores que conformam a comunidade educacional (professores, alunos, famílias, gestores etc.), o intercâmbio de experiências de sucesso e a construção participada de soluções para transformar o dia a dia nas salas de aula, escolas e redes de ensino.

Conheça – Explore – Construa

Esses três elementos configuram a estrutura interna da plataforma (reproduzida de igual maneira para os dois níveis educacionais) e, ao mesmo tempo, marcam um itinerário de atuações com conteúdos específicos para três perfis diferenciados: professores, escolas e redes de ensino.

Conhecer o que significa ser jovem ou adolescente atualmente e saber como aprendem essas gerações que nasceram no século XXI é para os criadores de Faz Sentido o primeiro passo para a transformação. É por isso que no espaço CONHEÇA da plataforma encontraremos uma série de estudos temáticos que compreendem os diferentes aspectos da dimensão juvenil (identidade, autonomia, sexualidade, relações sociais etc.), assim como as ferramentas tecnológicas, de gestão e formação que podem facilitar uma melhor conexão entre os interesses dos estudantes e o mundo da educação.

Em um segundo espaço, a plataforma convida os usuários a EXPLORAREM um conjunto de soluções para enfrentar os desafios do Ensino Fundamental II e Médio. Modelos curriculares, práticas pedagógicas, formação de educadores e outro tipo de atuações que parecem convergirem na necessidade de criar comunidades educacionais sólidas que possibilitem situar novamente o jovem/adolescente como protagonista da sua própria aprendizagem.

Finalmente, no espaço de CONSTRUA a plataforma oferece uma guia prática para que professores, escolas e redes elaborem novas soluções para o Ensino Fundamental II e Médio. Os materiais se estruturam em quatro etapas e se baseiam em princípios como a escuta, a cocriação e o experimento. Além disso, a guia promove a participação de toda a comunidade escolar. Todos os conteúdos dessa seção e das anteriores podem ser compartilhados, baixados e impressos de maneira livre.

Para Ricardo Henriques (Instituto Unibanco),“a possibilidade de fazer política pública com capacidade transformadora implica, não só em reconhecer e respeitar a potência e a força dos gestores públicos que estão espalhados pelo país todo, mas também em criar condições para que boas ideias sejam instituídas e implementadas de forma realmente participativas” . Nessa última ideia, devemos focalizar a visão com a qual a plataforma Faz Sentido se constitui como uma ferramenta para a transformação da educação.

Fontes:
  • Porvir (http://porvir.org/)
  • Faz Sentido (http://fazsentido.org.br/)