Miserials (II): Pobreza laboral e transições frustradas

Miserials (II): Pobreza laboral e transições frustradas

Criamos uma cultura que por um lado idolatra a juventude procurando torná-la eterna, mas por outro, paradoxalmente, condena os nossos jovens a não possuir um espaço de real inserção, porque lentamente fomos marginalizando-os da vida pública, obrigando-os a emigrar ou a mendigar ocupação que não existe ou que não lhes permite projetar o amanhã. Privilegiamos a